> TÍTULO <
   OAB-PA negocia reescalonamento da tabela de custas para garantir maior acesso.
> CONTEÚDO <
   OAB-PA negocia reescalonamento da tabela de custas para garantir maior acesso ao Poder Judiciário. Presidente da Ordem no Pará, Alberto Campos debateu acerca dos valores ao reunir, hoje pela manhã, com o desembargador Luiz Neto (Quinto Constitucional), presidente da Comissão de Informática do TJE-PA e coordenador do Grupo Gestor do Sistema PJe, e os diretores de planejamento do Tribunal de Justiça do Estado. Após os debates entre os representantes das duas instituições, a diretoria de planejamento assumiu o compromisso de apresentar, em breve, informações mais detalhadas a respeito do impacto dessas alterações na receita do TJE-PA. “Desse modo, poderemos discutir melhor os valores”, explicou o presidente da seccional paraense. Na comitiva da OAB-PA que participou da reunião, estiveram presentes o conselheiro seccional Sérgio Reis, a presidente da Comissão de Direito de Famílias e Sucessões, Viviane Saraiva, João Adário, vice-presidente da Comissão de Sociedades de Advogados, e Alvimar Júnior, vice-presidente da Comissão de Advogados em Início de Carreira e integrante da Comissão de Direito Imobiliário. Dativos Ainda no TJE-PA, o presidente Alberto Campos reuniu com o desembargador Luiz Neto e outros representantes do Tribunal e Procuradoria Geral do Estado (PGE) para abordar importante pauta: regulamentação do pagamento da advocacia dativa. Presidente da Comissão de Advogados em Início de Carreira da OAB-PA e presidente do Instituto Paraense de Direito de Defesa (IPDD), Afonso Furtado esteve presente no encontro.



FECHAR